Seguidores

Volte Sempre!

Leia Também em nosso Site

Visitem nosso Grupo e vejam as novas matérias

sábado, 28 de julho de 2012

Mensagem do Caboclo Guiné


De onde vem essa tristeza no seu peito, esse amargo na boca, essa quase saudade de coisas que nunca viu e de lugares que nunca visitou? Acredite, ela vem da sua alma dizendo: “Acorde!”.

Essa voz interior, que quase nunca ouvimos, sabe tudo de nós. De mim, de você, dos outros.

Ela sabe, porque é o “Deus interno” de cada um. Não que eu acredite que exista “um deus externo”, veja bem. Pois Deus É e Está em toda parte, em tudo, em todos os seres e coisas.

Mas o que estou falando é: existe algo não corpóreo, sempre a nos lembrar de que não somos corpo, apenas “estamos corpo”. Não é um trocadilho, é uma maneira de tentar ser claro.

Grande parte do tempo como encarnados, nós passamos como se “fôssemos corpo”. Esquecemos quem somos nós, de onde viemos e para onde vamos.

Quem somos nós? Quem sou eu e quem é você? Este corpo? Apenas corpos? Será?

Então, de que vale todo esse Universo construído? De que vale o amor? De que valem os sonhos que nos inspiram a caminhada? De que valem a fraternidade, a amizade, a esperança de dias melhores, o trabalho, o estudo, e tudo o mais?

Não! Tenho a certeza de que não é assim. E, bem lá no íntimo, todos o sabem.

Por isso a humanidade suspira tanto, e se entristece, e se deprime; e vagueia entre lugares, coisas e pessoas até que nunca viu, ou que já se foram. Perdida numa quase saudade- seja lá o que for este sentimento ambíguo que nos acomete de quando em quando... Pois a saudade não é ambígua; saudade é coisa bem clara, objetivada e objetiva, porque se dirige de coração a coração e é dirigida pelo coração que se deixou banhar de amor e nunca se cansa de amar, mesmo à distância.

Enfim, vamos concordar, como bons amigos que somos, que exista a “quase saudade” que às vezes nos atormenta.

Sou humano, sei o que é isto. Já fui mais assim. Agora sou um pouco menos. Aprendi, estou aprendendo. E amo você, amo a todos. Aprendi, estou aprendendo.

Por isso estou aqui. Só para lembrar que essa ambiguidade vem quando vivemos descuidados de saber quem somos nós. E, por não sabê-lo, ou por termos nos esquecido, também não nos lembramos de onde viemos e para onde vamos.

Assim, só o corpo vai indo. E vem a sensação de vazio, a ambiguidade, para nos fazer refletir e recordar.

Acredite, por sentir naturalmente ou intuitivamente, que nós levamos o corpo- quando o temos na carne e fora dela, já um tanto modificado e adaptado à nova condição de desencarnados-; e perceba que não é o corpo que nos leva.

Mas nos esquecemos disso, às vezes; e a ambiguidade sobrevém. Parece que nada vale a pena. Parece que outro lugar, outra coisa, outras pessoas seriam melhores para estarem conosco.

Puro engano...

Então, aquela “voz interior” surge, como Força Amorosa, e nos vem despertar...

Basta que nos lembremos de que Tudo É Deus. E a ambiguidade desaparece... O vazio se desfaz, e a Plenitude Se Manifesta.

A ambiguidade só se apresenta a partir da nossa ilusão. A ilusão de que o visível aos olhos da carne é o real. Como isto não é verdadeiro, sofremos. Só para nos recordarmos da Essência de todas as coisas e de todos os seres, de tudo enfim...

Então, acorde! Sinta quem você realmente É!

Você, eu e todos nós, e tudo quanto existe É Deus sendo o que Ele sempre foi e será!

Não se aparte, não se separe de Deus, que isto não é possível...

Fora de Deus nada existe, a não ser a ambiguidade, aquela sensação desconfortável e triste de que algo se perdeu, ou que nos perdemos...

Fiquemos juntos para essa reflexão, que a experiência virá. Você vai senti-la bem dentro do coração...

Seja muito feliz. Tanto quanto Deus É.

Namastê!
Do seu irmão e amigo de sempre,
Caboclo Guiné.
(Recebido em 20/8/2011, p/ Fátima.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somente serão aceitos comentários de membros do Grupo Boiadeiro Rei, devidamente registrados e cadastrados.

Obrigado!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

GRUPO DE ESTUDOS

O único site que reúne a espiritualidade universal

Grupo de Estudos Boiadeiro rei visa apanhar no universo da espiritualidade temas sobre as variantes religiosas universais, prós e contras, formam uma coleta diversificada sobre a busca humana do desconhecido, da paranormalidade ao longo da existência terrestre. A proposta do Grupo de Estudos visa o esclarecimento, enriquecimento individual e o aumento do conhecimento intelectual.

-------------------------------------------------------------------------

Organização sem fins lucrativos

Email: contato@grupoboiadeirorei.com.br

fernandodeogum@grupoboiadeirorei.com.br

www.grupoboiadeirorei.com.br
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...